Dupla sertaneja do 'The Voice Brasil' alega ter sido vítima de racismo em aeroporto

Ângelo & Angel fizeram parte do time de Carlinhos Brown na edição do programa de 2013

Por O Dia

Ângelo & Angel
Ângelo & Angel -
A dupla sertaneja, formada pelos irmãos Ângelo & Angel, alega ter sido mais uma vítima de racismo. Na última segunda-feira (27), os dois contam que foram impedidos de embarcar em um aeroporto no voo de Belo Horizonte com destino a Florianópolis, onde eles tinham compromissos de trabalho. Os mineiros participaram do 'The Voice Brasi', em 2013, defendendo o time de Carlinhos Brown.

"Chegamos cedo no Aeroporto Confins para embarcar no voo das 6h15min e, infelizmente, fomos barrados no guichê da empresa Gol na hora de emitir as passagens. Desconfiaram de nós e acharam que o nosso cartão tinha sido clonado. Os funcionários queriam saber quem e quando as passagens foram compradas e pediram até o endereço do comprador", contou Ângelo, ex-participante do  'The Voice Brasil'.

Segundo Ângel, o comprador tinha sido o empresário da dupla cinco dias antes do embarque. "Ele comprou porque tínhamos compromissos em rádios e emissoras de televisão. Conseguimos embarcar no final da manhã daquele mesmo dia, mas perdemos os trabalhos. E foi uma situação muito constrangedora para nós porque ninguém mais da fila passou por aquilo", explicou.
Ângelo & Angel estão com o projeto 'Pé na Estrada' onde percorrem o país divulgando a música 'Mamacita', que bombou ano passado nas rádios nacionais e acaba de ganhar um clipe e uma nova versão com o grupo baiano Filhos de Jorge.
 
 

Uma assinatura que vale muito

Contribua para mantermos um jornalismo profissional, combatendo às fake news e trazendo informações importantes para você formar a sua opinião. Somente com a sua ajuda poderemos continuar produzindo a maior e melhor cobertura sobre tudo o que acontece no nosso Rio de Janeiro.

Assine O Dia

Comentários