Com prazo de validade para ser desligado da Globo, Stênio Garcia pede papel a autores

"Se eu não foi escalado ou reservado, terei meu contrato abruptamente interrompido", disse o ator veterano

Por O Dia

Stênio Garcia e Marilene Saade
Stênio Garcia e Marilene Saade -
Como esta coluna antecipou ontem, em primeira mão, Stênio Garcia, de 88 anos, não vai mais fazer parte do elenco da TV Globo a partir do dia 25. A informação foi confirmada por sua mulher, Marilene Saade, quando procurada por esta coluna. O ator já foi avisado sobre a rescisão contratual e vai receber três meses de aviso prévio. Nesta terça-feira (17), Stênio publicou um vídeo nas redes sociais informando ter recebido uma chance da emissora: deram a ele um prazo para ser escalado para alguma obra, caso contrário, sua recisão contratual terá prosseguimento.
"Tenho quase 70 anos de carreira, estou na Globo com contrato de prazo indeterminado desde 1973. No dia 4 de março, recebi o cartão vermelho: se eu não for reservado ou escalado até o dia 30 de março, terei meu contrato abruptamente interrompido. Por causa do coronavírus não posso sair de casa, então eu peço a todos os autores da Rede Globo que me escalem e me reservem antes do dia 30 de março, para que eu possa continuar trabalhando. Meu trabalho, como vocês sabem, é minha vida. Eu dependo disso para me manter vivo", pediu o veterano.
Marilene Saade suspeita que a situação de Stênio na emissora tenha ficado insustentável depois que esta modesta coluna noticiou que o novo diretor artístico da emissora, Silvio de Abreu, não gosta do Stênio desde 1968, por conta do fim do casamento do ator com Cleide Yáconis. Na época, a separação, que foi motivada por traição da parte do ator veterano, teria transformado Stênio em persona non grata para Silvio de Abreu, que era assumidamente grande admirador de Cleide Yáconis. Marilene contou isso em seu Instagram ao responder seguidores sobre o fato de o marido estar afastado das novelas desde 2012 e a gente publicou.
"Stênio e eu tínhamos que responder directs dele para milhares de fãs. Ele estava sendo pressionado nas ruas e também no Instagram. Aí eu falei com ele que tinha outra fã perguntando e ele mandou eu contar tudo. Foi isso, Nada além. Mas foi uma conversa. Não foi um post", disse Mariele à coluna, aos prantos: "Ele estava muito triste porque faziam 7 anos dessa não alocação".

Comentários