Cantor Saulo demite músicos e técnicos

O grupo aguardava a volta da agenda de shows após o isolamento social, mas foi surpreendido com as demissões

Por O Dia

Saulo
Saulo -
Empresa que cuida da carreira do cantor Saulo Fernandes demitiu na última semana diversos músicos e técnicos da equipe. O grupo tinha recebido férias coletivas após o Carnaval e aguardava novas diretrizes para a volta da agenda de shows, após o isolamento social, mas foi surpreendido com a notícia das demissões. Saulo, que está nos Estados Unidos, ainda não se pronunciou sobre a saída dos profissionais, sendo que muitos deles o acompanhavam desde quando era vocalista da Banda Eva, há 20 anos.
De acordo com o site BNews, as demissões aconteceram em meio à crise econômica decorrente da pandemia do novo coronavírus. Entre os demitidos, estão três roadies, dois técnicos de som, dois produtores, um guitarrista, um tecladista, três percussionistas, dois backings vocals, dois músicos do sopro e um baixista.
O baixista Léo Pinheiro foi um dos primeiros músicos a confirmar a saída da equipe de Saulo e compartilhou nas redes sociais um vídeo de sua trajetório. Nos comentários, vários fãs lamentaram as demissões.
 
 
 
Ver essa foto no Instagram

Libras @penseemlibras @eusougabrielaaaa Obrigado! #ciclo #leopinheiro #leopinheirodj #pazdedeus

Uma publicação compartilhada por Léo Pinheiro (@leopinheirodj) em

Comentários