Antônia Fontenelle entra com novo recurso na Justiça

Apresentadora está tentando, pela terceira vez, que o processo movido pelos irmãos Neto entre em segredo de Justiça

Por O Dia

03/01/2019 - AGÊNCIA DE NOTîCIAS - PARCEIRO - Antônia Fontenelle na estreia da peça Eri Pinta Johnson Borda, de Eri Johnson,  na noite de quinta-feira (3), no Teatro Fashion Mall, em São Conrado, Zona Sul do Rio - Foto: Onofre Veras/Parceiro/Agência O Dia
03/01/2019 - AGÊNCIA DE NOTîCIAS - PARCEIRO - Antônia Fontenelle na estreia da peça Eri Pinta Johnson Borda, de Eri Johnson, na noite de quinta-feira (3), no Teatro Fashion Mall, em São Conrado, Zona Sul do Rio - Foto: Onofre Veras/Parceiro/Agência O Dia -
Antônia Fontenelle entrou com um novo recurso na tentativa de reverter a decisão que indeferiu o pedido de segredo de Justiça no processo movido pelos irmãos Neto, no dia 30. Ela protocolou o agravo no dia 2 de julho que ainda não teve o julgamento. Esta é a terceira vez que ela tenta fazer com que o processo não seja mais público.
Aliás, o agravo mostra o quanto a atriz é contraditória... Não foi ela que disse em um vídeo no Instagram que não ia pedir mais para que o processo ficasse em sigilo? O vídeo no final desta nota não nos deixa mentir... Nele, Antônia diz: "Deixa pra lá! Não quer botar em segredo de Justiça... f*d@-se!". Esta colunista confessa que bugou.
Bom, vamos nos ater aos fatos, que é o que essa coluna faz de melhor... Para justificar o segredo de justiça, os advogados de Fontenelle se utilizaram de vários argumentos. Alguns deles nos chamaram a atenção. Veja um trecho: "Como se sabe, a mídia hoje, consegue acesso facilmente, inclusive mediante investigação por intermédio de terceiros, informações que muitas vezes de nada interessa a coletividade, mas apenas para fins publicitários e manchetes sensacionalistas". 
Em outra parte, ela cita a WebTVBrasileira, programa de fofocas feito por Tati Martins no Youtube de segunda à sexta, às 20h: "Outrossim, através dos links a seguir, é possível visualizar que a imprensa tem acesso contínuo aos autos e ironiza, em seus comentários, a ora Agravante, a chamando, inclusive, de 'Totonha'. Os links que aqui se colacionam são do programa chamado 'WebTV Brasileira', cuja apresentadora é Tati Martins: https://drive.google.com/file/d/1YT1EbZ2mATz8Ag5TvECCfZgvFpr_7WQ/view?usp=sharing e
https://drive.google.com/file/d/1OVr5MBNxEtsqRHWvkdsVNRUw1c2OLraG/view?usp=sharing". Tati, pelo jeito ela não curtiu o apelido, hein?
Antônia alega estar sendo exposta a um constrangimento desnecessário por conta do processo poder ser consultado por qualquer pessoa. Aqui cabe um adendo desta humilde colunista que vos escreve: ser chamada de 'mãe solteira que não tem aonde cair morta' num canal no Youtube não constrange ninguém, não é, senhora? Dois pesos...  duas medidas.
Em tempo: Em outra petição, também protocolada nesta quinta-feira (2) no processo, a defesa de Antônia fala, inclusive, sobre a retirada dos vídeos dos irmãos de seu perfil - que, segundo ela mesma disse em um story, já foi feito pelos 'robôs do Instagram'. Mas o advogado da apresentadora apresentou outra versão: "Basta a leitura do print abaixo, extraído da página do Instagram da Ré, para se chegar à conclusão de que a determinação judicial foi, de fato, cumprida", disse a defesa ao rebater uma manifestação dos irmãos sobre o até então não cumprimento da liminar que obrigava a retirada dos vídeos em caráter urgente.
Veja o vídeo:
 

Comentários